Gerenciando Projetos do SSIS no SSMS do SQL Server 2012!

Posted on junho 29, 2012

2


Criação do Catálogo e Pasta

 

Como mais novidade do SQL Server 2012, agora é possível gerenciar por completo seus projetos e arquivos do SQL Server Integration Services (SSIS) dentro do SSMS 2012.

Esse novo recurso nos dá a flexibilidade de executar, centralizar, gerir, administrar, alterar e ainda acompanhar a execução dos pacotes.

 

Depois de logado na instância do SQL Server 2012, iremos na aba…

 

Capture

(Figura 1 – Visualizando o Integration Services Catalogs.)

 

Untitled

(Figura 2 – Botão direito e selecione Create Catalog…)

 

Com isso, será criado um banco de dados de nome SSISDB que terá como objetivo administrar todos os projetos e pacotes que ficarem armazenados nesse repositório. É necessário que seja especificado uma senha para a criptografia dos catálogos criados.

 

Se a opção -  “Enable automatic execution of Integration Services stored procedure at SQL Server startup”  estiver habilitada, então fará com que toda vez que o servidor for reiniciado, ele realizará a execução dos pacotes.

 

image

(Figura 3 – Criação do catálogo…)

 

Após a criação, você terá o catálogo criado.

image

 

Iremos criar agora uma pasta para armazenar um projeto com seus respectivos pacotes, sendo assim botão direito no SSIDB e selecione Create Folder.

 

image

(Figura 4 – Criando uma pasta.)

 

Depois da pasta criada, temos a seguinte estrutura criada.

 

image

 

Para exemplo, iremos importar pacotes já criados, Análise de Informações.dtsx e dbo.sp_help_revlogin.dtsx quem podem ser encontrados aqui – https://skydrive.live.com/#cid=6E894476A77CD2F2&id=6E894476A77CD2F2%21142

 

Criação do Projeto

 

Agora com o catálogo criado, botão direito em Projects – Import Packages

 

Assim será aberto um wizard que realizará  a importação dos pacotes para dentro do catálogo criado.

 

image

(Figura 5 – Ínicio do Wizard para criação do projeto.)

 

Capture

(Figura 6 – Localizando arquivos.)

 

image

(Figura 7 – Selecionando arquivos.)

 

image

(Figura 8 – Especificando o nome do projeto assim como o nível de proteção para todos os pacotes do projeto.)

 

O SSIS possui os seguintes níveis de proteção de pacote:

 

DontSaveSensitive

Com esse nível, os valores sensitivos do pacotes não são salvos, sendo assim o mesmo não é criptografado. Se outro usuário abrir o pacote, as informações sensitivas serão alterados por valores em branco e o usuário atual deverá introduzir as novas informações para que o pacote execute com sucesso.

EncryptSensitiveWithUserKey

O usuário é baseado em uma chave, sendo assim, o pacote só poderá ser executado por ele, se outro usuário tentar abrir o pacote, ele abrirá com todas os dados sensitivos em branco.

EncryptSensitiveWithPassword

Usa uma senha somente para criptografar os dados sensitivos. Para abrir o pacote é necessário que seja informado senha, se a senha não for inserida o pacote é aberto só que, os dados sensitivos não seram mostrados. Se o usuário atual tentar realizar a execução do pacote ele falhará, isso porque os dados sensitivos foram escondidos por falta da senha.

 

EncryptAllWithUserKey

Usa uma chave única para a indentificação do usuário atual que realiza a criptografia do pacote. Somente o usuário que realizou a criação ou exportação do pacote possui acesso ao mesmo.

EncryptAllWithPassword

Usa uma senha para a proteção de todo o pacote. Neste caso o pacote é criptografado. Quando o pacote for aberto, será necessário informar senha.

 

Logo após isso, será mostrado as telas – Update Execute Package Task, Select Configurations, Create Parameters, todas essa telas não serão utilizadas porque esses pacotes não possuem arquivo de configuração ou nenhum parâmetro de entrada.

 

image

(Figura 9 – Revisão de todas as configurações realizadas – Sumário.)

 

image

(Figura 10 – Conclusão com sucesso de todos os procedimentos.)

 

image

(Figura 11– Wizard para realização do Deploy dos pacotes.)

 

image

(Figura 12– Local aonde os pacotes realizarão o deploy.)

 

image

(Figura 13– Local aonde os projetos criados serão armazenados pelo serviço de catálogo.)

 

image

(Figura 14– Revisão de todos os procedimentos realizados.)

 

image

(Figura 15– Conclusão de todos os requisitos para a criação do projeto.)

 

Agora com todos os requisitos realizados, deveremos visualizar o SSMS assim…

 

image

 

Recapitulando…

 

Realizamos a criação de um catálogo e pasta de nome Seatbelt Toolkit. Após criados, realizamos a importação dos pacotes para dentro de um projeto chamado – Toolkit Administração que com isso realizou a importação dos pacotes que especificamos.

 

Opções do Projeto

 

Temos algumas opções para o gerenciamento do projeto, para isso botão direto no projeto que foi criado…

 

Untitled

(Figura 16 – Opções disponíveis no projeto.)

 

1 – Configure

Essa  opção permite que você inserá valores para o projeto, pacotes e no gerenciador de conexão. O Scope drop down permite você filtrar todos os parâmetros ou somente um pacote em específico.

 

image

(Figura 17 – Gerenciador de conexão de todos os pacotes desse projeto.)

 

 2 – Validate

Permite a validação dos pacotes no servidor. Essa opção aparece tanto no projeto como para cada pacote, só que quando especificado no escopo projeto, ele realiza a validação de todos os pacotes.

 

image

(Figura 18 – Validação dos pacotes.)

 

3 – Move

É possível mover o projeto para uma nova pasta.

 

image

(Figura 19 – Escolha da pasta para mover arquivos.)

 

4 – Version

O gerenciador do SSIS permite que seja salvo versões dos projetos. Por padrão o banco de dados SSISDB manterá 10 versões, porém esse número é configurável.

 

image

(Figura 20 – Versões do Projeto.)

5 – Export

Se você desejar exportar todas as configurações e definições.

 

image

(Figura 21 – Guardando o arquivo de extensão .ispac.)

Execução do Projeto

Possuímos 2 maneiras de execução dos pacotes:

 

1 – Execução no SSMS

Botão direito no pacote que você deseja executar e EXECUTE…

 

image

(Figura 22 – Execução do pacote selecionado.)

 

image

(Figura 23 – Nesse momento você será direcionado para um painel aonde você verificará cada passo da execução do pacote.)

 

image

(Figura 24 – Conclusão do relatório e suas informações.)

 

2 – Execução em T-SQL

Capture

(Figura 25 – Gerando código em T-SQL.)

 

DECLARE @execution_id BIGINT

EXEC [SSISDB].[catalog].[create_execution] @package_name=N’dbo.sp_help_revlogin.dtsx’,

                                                       @execution_id=@execution_id OUTPUT,

                                                       @folder_name=N’Seatbelt Toolkit’,

                                                       @project_name=N’Toolkit Administração’,

                                                       @use32bitruntime=False,

                                                       @reference_id=Null

SELECT @execution_id

DECLARE @var0 smallint = 1

EXEC [SSISDB].[catalog].[set_execution_parameter_value] @execution_id, 

                                                                        @object_type=50,

                                                                         @parameter_name=N’LOGGING_LEVEL’,

                                                                         @parameter_value=@var0

EXEC [SSISDB].[catalog].[start_execution] @execution_id

GO

 

Rica Interface de Relatórios

 

E por final aproveite dos diversos relatórios e do Dashboard do Integration Services.

 

image

(Figura 26 – Integration Services Dashboard.)

 

 

image

(Figura 27 – Execução de todos os pacotes do projeto.)

 

 

 

image

(Figura 28 – Todas as validações realizadas do projeto.)

 

 

Fontes

http://msdn.microsoft.com/en-us/library/ms141747.aspx

 

http://blogs.msdn.com/b/mattm/

 

http://social.technet.microsoft.com/wiki/contents/articles/3711.microsoft-sql-server-code-named-denali-ctp3-release-notes.aspx#Integration_Services

Posted in: SQL Server 2012, SSIS